App nascida na Plataforma Lusídeias Acompanha a RTP durante o europeu

13322088_1198181766860116_8303912974094325298_nA app PAXVOICE, nascida com o apoio da Compta no âmbito da plataforma de inovação Lusídeias, acaba de ser anunciada como uma das principais ferramentas interativas da RTP durante o Europeu de futebol. As funcionalidades de interação social e auscultação da opinião pública proporcionadas pela aplicação serão utilizadas pela estação televisiva durante os vários programas dedicados ao Euro, facto que deverá resultar num boom de utilizadores: A startup conta com 15 mil utilizadores de tudo o mundo e espera triplicar esse valor durante o período da competição.

Disponível para iOS, Android e Web, a aplicação foi submetida em 2015 ao Lusídeias, tendo depois beneficiado do apoio da Compta para o seu desenvolvimento. Lançado no mercado em janeiro deste ano, o PAXVOICE oferece dados estatísticos de opinião pública relativamente a assuntos da atualidade, proporcionando uma experiência interativa mais rica, com dados por idade, género e localização. Os resultados são apresentados em tempo real, facto que permite aos utilizadores a participação em debates, através do ecrã do telemóvel, tablet ou computador. A ligação à RTP começou com o programa Prós e Contras, que utiliza o PAXVOICE para obter a opinião do público.

O PAXVOICE é uma aplicação gratuita, que está também integrada com Facebook e Twitter. Uma vez feito o login, via Facebook, o utilizador pode criar uma “voice” (opinião) ou participar de forma confidencial nas “voices” de outros. As diversas estatísticas de opinião estão disponíveis para qualquer utilizador. A integração com a conta de Twitter permite criar “voices” automaticamente através de um tweet, bastando acrescentar #paxvoice.

Antes de ser submetido como ideia para desenvolvimento na plataforma Lusídeias, o projeto foi considerado como uma das 50 melhores futuras apps da Europa, depois de ser selecionado para a fase final do The Big App Fund, em Londres (uma competição de investimento apoiada pelo Facebook que reuniu 425 participantes).

Estamos a cumprir a nossa missão com a Lusídeias de levar as ideias dos portugueses ao mundo, afirmando um Portugal inovador. O PAXVOICE, é já uma das nossas bandeiras de sucesso, é uma plataforma com um potencial imenso, prova disso é o reconhecimento por um parceiro tão relevante como a RTP e a sua escolha para durante o Euro fazer a diferença, tendo no PAXVOICE um canal digital de contacto e interação com as suas audiências, inovador e disruptivo.”, afirma Jorge Delgado, presidente da Comissão Executiva da Compta. “O PAXVOICE é um projeto que me cativou, estamos muito empenhados em apresentar ao mercado novas formas de interação, o conceito inovador que propõe e as novidades que acrescenta relativamente a outras aplicações de interação social tem sido um fator diferenciador. De facto, a capacidade de revelar opiniões em tempo real tem um valor incalculável e estou certo não se esgotará apenas no mercado nacional.”, acrescenta o mesmo responsável.

Os criadores desta nova app, desenvolvida em conjunto com a Lusídeias, são João Valentim, Rodrigo Silva e Tarcísio Pontes, que decidiram assinar o projeto com a expressão “Power to the People”, inspirados na música de John Lennon com o mesmo nome, e que reforça a missão deste projeto: fazer com que a voz das pessoas conte e influencie a ação dos decisores.

A plataforma Lusídeias pretende colocar a tecnologia ao serviço da competitividade nacional. Democrática e multifuncional, a plataforma materializa-se online e é de fácil acesso e compreensão, permitindo reunir ideias e captar talentos, mas também disponibilizar um conjunto integrado de condições e funcionalidades que visam fomentar parcerias e apoios. Com uma equipa dedicada em permanência, a Lusídeias tem como fim último o apoio à materialização das melhores propostas submetidas, mas também envolve estímulos à co-criação de projetos e ao crowdsourcing.

Mais em: www.paxvoice.com e www.lusideias.pt

Logo Lusideias

ou

Entra com os teus acessos

ou    

Esqueceste-te dos teus dados?